Veganismo na decoração: dicas de como ter um lar vegan-friendly

Se você acha que veganismo está apenas relacionado ao consumo de alimentos sem ingredientes de origem animal, se enganou. O estilo de vida que está dando o que falar hoje em dia aborda também a moda, a beleza e, claro, a decoração. 

Segundo a PETA (People for the Ethical Treatment of Animals), à medida que a procura por utensílios de uso doméstico sustentáveis cresce, também cresce o interesse pelo modo de vida vegan, por isso celebrar projetos e inovações que nos permitam viver em casas livres de crueldade para com os animais faz cada vez mais sentido. 

“O Veganismo na alimentação e moda está em ascensão, a medida em que mais e mais pessoas começam a compreender que não há necessidade de prejudicar os animais para se ter uma boa refeição ou uma grande variedade de opções de roupa. No entanto, quando se trata de um estilo de vida vegano, é preciso levar em conta os itens que utilizamos em nossas casas.”

Afinal, vegano que é vegano evita a todo custo qualquer item de origem animal. Dispensa calçados de couro, vestidos de seda e casacos de pele. Portanto, nada mais lógico que os adeptos do veganismo estendam suas convicções à decoração da casa. Mas, por onde começar?

Descubra ao longo do artigo:

Aproveite a leitura!

Roupa de cama em materiais vegetais

Comece pela sua própria cama. Optar pelos travesseiros que não sejam de pena de ganso é uma ótima iniciativa. Dê preferência aos de fibra de bambu. Também existem enchimentos de sementes de painço ou casca de trigo sarraceno.

As fronhas, roupa de cama e colchas devem dispensar a seda ou a lã e apostar, de preferência, no puro algodão, que é mais natural. Vale ressaltar que é importante sempre ler as etiquetas dos produtos ou consultar vendedores de loja. 

Vencedores da Categoria Melhor Roupa de Cama sem penugem do PETA Vegan Homeware Awards 2019

Travesseiro Smartdown - Fine Bedding - Capa feita 100% em algodão e enchimento feito 100% em fibra sintética
Edredon Smartdown - Fone Bedding - Capa feita 100% em algodão e enchimento feito 100% em fibra sintética

Pele, só as sintéticas

Dê preferência ao courino ou couro sintético. O avanço da tecnologia proporcionou o desenvolvimento de materiais alternativos equivalentes ao couro natural, fazendo com que os sintéticos praticamente perdessem a característica de material plástico que costumavam ter antigamente. Outras opções vegan friendly, mais comuns para os estofados dos sofás são o suede, sarja, camurça, veludo e algodão.

[Ler mais em Revestimentos que imitam os originais]

Vencedores da Categoria Melhor Tapete sem lã do PETA Vegan Homeware Awards 2019

Tapete Patterned cotton - H&M - Feito 100% em algodão reciclável

Vencedores da Categoria Melhor Almofada sem penas do PETA Vegan Homeware Awards 2019

Almofada Duck Egg & Copper - Stylish Green Cushions por Elisabeth Fredriksson - Feita 100% em algodão
Almofada Duck Egg & Copper - Stylish Green Cushions por Elisabeth Fredriksson - Feita 100% em algodão

Cera de abelha, não!

Algumas velas são confeccionadas com cera de abelha, portanto, não é considerado um material vegan. No mercado, podem ser encontradas diversas alternativas para as velas de cera de abelha. As velas feitas com óleos vegetais, como soja ou palma são ótimas opções. Ah, e dê adeus as velas de parafina, elas são altamente poluentes!

Vencedores da Categoria Melhor Vela vegana do PETA Vegan Homeware Awards 2019

Vela Lime, Basil & Mandarin - EDEN PERFUMES - Feita 100% de cera de soja

Gostou? Siga-nos nas nossas redes sociais e não perca nosso conteúdo semanal.‍‍

Até a próxima,

Equipe Vobi 

Referências:

www.homify.com.br

www.peta.org.uk

Continuar lendo

Conteúdos VIP

Faça parte da lista de conteúdos VIP.

Receba semanalmente conteúdos selecionados pela a nossa equipe.
Sem spam!

Seu escritório de arquitetura e design ainda não é digital?